6- As contribuições extraordinárias serão fixas?

Resposta:

Os percentuais das contribuições extraordinárias poderão ser reduzidos na ocorrência de motivo relevante, mediante a realização de uma nova avaliação atuarial. De acordo com a legislação*, o fluxo de pagamentos de contribuição extraordinária para equacionamento deve ser linear ou decrescente, assim, o percentual de contribuição poderá eventualmente ser reduzido e nunca aumentado. Na ocorrência de novos déficits, estes serão tratados em novos planos de equacionamento*.

*Nova redação da CGPC 26/2008, dada pela Resolução MTPS/CNPC Nº 22/2015

O valor do BPS dos participantes ativos é corrigido mensalmente pelo INPC, sendo assim, o valor financeiro a ser descontado sofrerá alterações.